domingo, 11 de janeiro de 2015

Curto devaneio

Se um retrato desse jeito
Na saudade que eu carrego
Pediria ao retratista 
pra retratar seu afeto
Seu carinho e o seu cheiro
Seu hálito de hortelã
E o calor do seu abraço
Só pra eu olhar de manhã.

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Dos que estão na razão



Se for pra escolher um lado
Eu morro
mas não me asfalto.

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Distância

A menor distância entre dois pontos
é uma reta,
entre dois corações,
saudade.

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Interpretação

Vi uma tatuagem, que dizia assim:
"De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure."
(Vinicius)

Mas não era isso o que estava escrito.
Era só um coração,
um nome
e um risco.

domingo, 20 de novembro de 2011

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

faço versos
feio um doido
fala na rua.

falo sozinho
feito fizesse versos

falo em sonho
feito falasse com uma flor

dou um grito como se fosse minha
a própria
linha do ecoador

belo horizonte, 16 de agosto, 2010

segunda-feira, 5 de setembro de 2011